Casal planeja adoção de um bebê, mas é surpreendido por dois, um deles sem parte do cérebro

Allison e Josh Lewis, um casal que se conheceu na Universidade de Samford, após a formatura foram viver no Alabama. Apaixonados, casaram-se e planejaram juntos um vida repleta de sonhos. Mas um desses sonhos foi uma linda surpresa.

Eles falavam sobre iniciar uma família e pensavam em ter dois ou três filhos. Tudo aconteceu mais rápido do que o planejado e Abby, Jack e Isabel logo nasceram, um atrás do outro. Mas eles não pararam por aí. Mais tarde, eles decidiram adotar Micah e, na mesma altura, Allison ficou grávida novamente de sua filha Julia. Os Lewis pensavam que a família estava completa.

A família estava bastante feliz com seus 7 membros, mas Allison e Josh ansiavam por mais, sentiam que ainda teriam uma grande missão como pais. Eles oraram juntos a Deus para que ele lhes desse um sinal.

E tiveram esse sinal. O destino tinha algo reservado para eles. Allison recebeu uma ligação de uma amiga que trabalhava em uma agência de adoção (comum especialmente nos Estados Unidos). Ela falou com Allison sobre uma criança que a mãe biológica quis dar para adoção e queria saber se a família Lewis teria espaço para mais uma em seu coração.

Os meses passaram e eles foram avisados do nascimento do bebê. Fizeram as malas e partiram em busca de seu novo filho. O casal já havia escolhido os nomes, se fosse menino Sam e se fosse menina Ava.  Contudo, a caminho do hospital, receberam a notícia que a mãe biológica teria dois bebês: uma menina e um menino.

Quando eles chegaram ao hospital, Josh e Allison ficaram sabendo que a menina havia nascido com complicações e estava debilitada com risco de vida.  Ela havia nascido apenas o tronco cerebral, mas que o resto do cérebro estava faltando.

Ninguém sabia como ela sobreviveria. Os médicos aconselharam a família a não adotá-la, mas eles discordaram: “Ela é nossa filha!”

Mas essa condição da menina não os impediu de adota-la também, pois ambos os bebês precisavam de amor e cuidados.

Ava precisou ficar por várias semanas internada no hospital e precisaria de um transporte especial para ser levada à sua casa no Alabama, mas seus novos pais não tinham condições de arcar com essas despesas.

Foi então que o presidente do hospital, Kevin Sowers, ouviu falar sobre a família e, movido pela dedicação do casal, resolveu ajudá-los e arcar com os custos do transporte. Então, Ava foi para sua casa, com sua família no Alabama.

Ao encontrar toda a família era possível perceber a alegria dos gêmeos ao se unirem novamente, era claro que eles sentiam muito a falta um do outro.

familia-lewis9
Os meses foram passando, e a cada dia as condições de Ava se complicavam. Ela tinha dificuldade de respirar, sentia muita dor e sua temperatura variava muito.

Esse foi um momento difícil para todos na família, mas, aperar de tudo, eles sabem que valeu a pena.

Seis meses depois de nascer, Ava virou estrelinha, deixando muita saudade e ensinando à família grandes lições.

Ava estará sempre com a família em suas memórias. Com poucos dias de vida ensinou a eles o verdadeira simbologia da palavra AMOR.

familia-lewis8

 

Fonte: https://www.paraoscuriosos.com

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d blogueiros gostam disto: